CÂMARA DE OEIRAS: mudanças orgânicas em perspetiva


Como referimos, os conselheiros de Moita Flores ter-lhe-ão entregue informação q.b. sobre vários serviços municipais. Os custos com a manutenção dos jardins, a contrastar com o défice na limpeza das ruas e na recolha do lixo, tem sido uma preocupação do candidato apoiado pelo PSD. Se na questão da manutenção dos jardins por externalização de prestação de serviços é dado quase adquirido que a mesma se manterá até 2018, Moita Flores quer aproveitar a mão-de-obra excedentária dos jardins e afins (cerca de 170 funcionários), integrando-os nas brigadas de limpeza de ruas. A mesma fonte garantiu-nos que estará a ser estudada a hipótese de serem mantidas duas equipas de podas, ainda que tudo aponte para que estas sejam incluídas nos contratos de prestação de serviços a rubricar com as empresas.

Sendo um dado praticamente adquirido a extinção da Divisão de Espaços Verdes (que erradamente apelidamos de Serviço), as atenções de Moita Flores têm-se virado para os serviços que são um sorvedouro de dinheiro, como é o caso do departamento de projetos, que ao longo de décadas tem gasto milhões em roda livre. A fusão do departamento de projetos com a divisão de estudos e projetos estará decidida, passando a designar-se como Divisão de Planeamento e Projeto, funcionando na dependência do departamento de obras.

Moita Flores terá sido aconselhado a pedir uma auditoria a alguns serviços municipais, casos do departamento de projetos especiais e do departamento de gestão urbanística, que ao longo dos últimos 8 anos tem funcionado ao sabor da gestão IOMAF com o lançamento de obras tantas vezes desnecessárias em período pré-eleitoral, para serem inauguradas bem em cima das eleições. O caso do Parque das Perdizes é um exemplo de eleitoralismo saloio e cavernoso.

Quanto aos dirigentes, caso ganhe, espera que TODOS peçam a demissão, renovando a comissão de serviço por períodos de 90 dias até à conclusão dos concursos que nos termos previstos na lei a Câmara abrirá para a ocupação dos lugares de chefia, de diretor municipal a chefe de divisão. Moita Flores quer acabar com as nomeações políticas e dos amigos. Como republicano entende que o Mérito deve prevalecer na escolha dos dirigentes, não importando a afinidade política, clubística, religiosa ou outra.

Esperemos que assim seja e novos ventos soprem na Câmara de Oeiras.

11 thoughts on “CÂMARA DE OEIRAS: mudanças orgânicas em perspetiva

  1. AAA diz:

    O Moita Flores só está preocupado com as novelas. Ele já que percebeu que em Oeiras não tem a mínima hipótese. Os oeirenses não querem saber daquele palhaço da TV para nada.

    • FCF diz:

      Não me diga que os Oeirenses querem o Vistas? Se o querem faça um favor e explique-nos porque o querem? E diga-nos também, já agora, qual é a maior preocupação que o Vistas tem se perder as eleições. Muitos Oeirenses ficariam gratos por saber.

      • AAA diz:

        Uma coisa eu sei. Os oeirenses não querem saber desse Moita. Por alguma razão já todos perceberam que ele vai levar uma abada nas eleições. O seu amigo Moita já está a tratar do seu futuro. Ele não é assim tão burro e já percebeu que vai perder as eleições.

  2. Oeiras diz:

    A todos quantos lêem este blog: se não querem que a CMO se afunde em investigações policiais e caças às bruxas, votem noutro tipo qualquer. Não é só no Vistas para ficar tudo na mesma, votem PS, CDS, PCP ou BE. A mudança será certamente menos pidesca do que votando neste senhor.
    Ah, e cuidado com o Alexandre Luz, temos outro Sócrates ou Passos Coelho em potência neste senhor, talvez ainda pior…

    • Anónimo diz:

      Votar no PS????vejam os anos de compadrio entre esses “senhores” e o Dr. Isaltino
      Vejam ao que chegou o laboratório lemo…afastaram todos os elementos que não pertenciam ao clã socialista….Já agora: como é possível a CMO “alugar” instalações suas a uma construtora???

  3. Oeiras diz:

    Mas quem publica estes posts acredita no Pai Natal? Moita Flores quer demitir todos os dirigentes para lá colocar os que mais mereçam e concorram ao lugar? E os favores partidários, onde ficam? Acham que não há já meninos e meninas do PSD definidos para cada unidade orgânica que for criada ou alterada?

  4. nuno sext diz:

    já é tempo de limparem as difigentes que subiram na horizontal, não passam de incompetentes que nunca geriram nada na vida, só sabem o quero, posso e mando, falta-lhes a substâancia, que é o essencial…

  5. FCF diz:

    O Moita Flores se está preocupado com a limpeza das ruas deveria também estar preocupado com a limpeza geral de que a Câmara está necessitada. A Irmandade do IOMAF conspurcou demasiado a Câmara ao longo dos anos. Foram muitos anos de amiguismo, compadrio, cunhas, negociatas e tantas mais coisas que em tempo oportuno virão a ser conhecidas. Há muita parasitagem dentro da Câmara sem qualquer aptidão profissional que só desempenham os cargos que desempenham graças ao compadrio. Há muitos amiguinhos que não têm qualquer competência para os cargos que desempenham e só os ocupam devido às muitas cumplicidades criadas ao longo dos anos.

Este blog não censura ninguém. Critique, exponha sem ofender.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s