CÂMARA DE OEIRAS: Moita Flores extingue o serviço de espaços verdes?


Enquanto se aguarda que o programa eleitoral de Moita Flores/PSD venha à luz do dia, vão sendo conhecidas algumas das suas ideias sobre a organização camarária. Aqueles que dizem que Moita Flores fala pouco nas visitas aos serviços municipais esquecem-se que aquele que ouve mais e fala pouco é mais inteligente e observador que os palradores.

Moita Flores tem, entre os seus conselheiros, os vereadores Ricardo Lino Rodrigues e Ricardo Júlio Pinho, para além de Alexandre Luz, que conhecem muito bem a Câmara, os Serviços e os dirigentes. Moita Flores terá já uma visão do que quer fazer, ouvidos os seus conselheiros e com suporte naquilo que tem visto e do que lhe vai sendo enviado para o seu e-mail. E Moita Flores estará a estudar várias soluções que iremos dando a conhecer logo que tenhamos conhecimento das mesmas. Algumas já foram discutidas e poderão passar por:

  • Face ao estado caótico da limpeza urbana, com o lixo amontoado, as ruas sujas, Moita Flores pondera extinguir o Serviço dos Espaços Verdes e afetar os jardineiros, motoristas e encarregados ao Serviço de Limpeza Urbana.
  • Como a manutenção dos jardins do concelho está entregue a empresas privadas e se encontra a decorrer um novo concurso para os próximos 5 anos, que Moita Flores já não poderá travar, prefere ganhar uma batalha (a limpeza das ruas) do que perder as duas (nem limpeza, nem jardins).
  • Seja qual for o Governo, Moita Flores terá confidenciado que os técnicos do Serviço de Espaços Verdes serão colocados em mobilidade especial, e como a situação financeira do município está controlada, irá propor ao Governo que por cada técnico colocado na ‘prateleira’ (ou requalificação profissional) possa contratar 2 assistentes operacionais para a limpeza urbana, ou 4 assistentes operacionais se o técnico vier a ser despedido findo o prazo máximo de ‘prateleira’.
  • Estarão definidos os critérios de despedimento dos técnicos que poderão ser os seguintes:
    • O funcionário/técnico superior mais novo (em antiguidade);
    • O funcionário/técnico superior que não detenha qualificação para o Serviço de Espaços Verdes;
    • O funcionário/técnico superior com a média mais baixa na avaliação dos últimos 4 anos.
  • Caso seja assumida a extinção do Serviço de Espaços Verdes poderão ficar somente 6 funcionários assistentes operacionais que fiscalizarão em permanência o trabalho prestado pelas empresas; os restantes, coordenadores, encarregados, jardineiros e motoristas deverão passar para o Serviço de Limpeza. O grosso dos técnicos passará para a mobilidade especial, futura requalificação profissional e, finalmente, o despedimento se entretanto a Câmara não precisar ou se não arranjarem colocação em outros municípios.
  • Moita Flores terá ponderado os prós e contras desta decisão caso a mesma venha a ser do conhecimento público (há sempre fugas de informação e a sua candidatura está pejada de “espiões” do IOMAF) e terá recebido elementos que comprovam que a maioria dos técnicos a empratelar mora fora do concelho, pelo que o impacto eleitoral será residual.

Amanhã teremos mais novidades a partilhar com os nossos leitores.

3 thoughts on “CÂMARA DE OEIRAS: Moita Flores extingue o serviço de espaços verdes?

  1. Anónimo diz:

    moita flores vai virar jardineiro quando as ruas estiverem limpas eoeiras rodiado de matas como era antigamente quem sao os bufos de moita flores que falam verdades aqueles qued querem taxo se ele ganhare anda tudo a procura do mesmo

Este blog não censura ninguém. Critique, exponha sem ofender.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s