Injustiça, Advocacia, Desordem e Monarquia: uma história mal contada (I)


OEIRAS MAIS ATRÁS

– QUANDO O TELEFONE TOCA!

– Posso dizer a frase?

– Diga!

– 8.000 euros!

– Está certa!

– Qual o disco que quer ouvir?

“Tininho no chilindró a cantar o solidó”

– Tou sim, quem fala?

Bom dia, Presidente, Carlos Pinto D’Abreu dá Cá o Meu…

– Humm, então, como tem passado o meu amigo?

Bem, Presidente, bem. A terminar o mandato no CDL OA.

– Então vai voltar a advogar, a pegar no meu caso, certamente…

Sempre brincalhão, o meu amigo. Caso? Acho que são casos…

– Fdx! Chame-lhes o que quiser, caso, casos, descaso, o que eu quero saber é se vai voltar a trabalhar com o Rui Elói Ferreiro. Cheira-me que em 2011 os gajos dos tribunais não me vão largar.

Presidente, a partir de Janeiro sou todo seu, juridicamente falando.

– Deixe-se de merdas e diga ao que vem.

Bem, como lhe disse…

View original post mais 793 palavras

Este blog não censura ninguém. Critique, exponha sem ofender.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s